Quem nunca ouviu falar no tal do OCO, né? O famoso Ombro, Cabeça e Ombro é uma das figuras mais famosas do mercado de capitais e uma das mais fortes também… Mas como todas as outras figuras que vimos até agora, é essencial que você saiba operar o OCO da forma certa… Esse post vai mostrar os detalhes.

Se vc ainda não viu os outros posts da Série Operando As Figuras Do Mercado, confira elas abaixo:
Ah, olha só… Amanhã vai rolar o Workshop Para Traders 2.0, vou falar muita coisa boa lá (Candles, Entradas, Gerenciamento, Pullbacks, Reversões etc) e o participante ainda vai receber o ebook Pro Trader de 200 Páginas! É amanhã já, garanta sua vaga clicando aqui!
Show de bola, agora vamos começar com o OCO… A primeira coisa que você precisa saber é que essa figura é de Reversão, ou seja, se ela aparecer no lugar errado do gráfico pode ser um desastre.

Como é a formação do OCO no mercado de capitais

Existem dois tipos de OCO e ambos são poderosos. O primeiro é o original, que vai aparecer no topo do gráfico, nas altas… O segundo é o invertido, que vai aparecer lá embaixo no gráfico, nas mínimas do preço.
Como na maioria das vezes o OCO é usado como um padrão de reversão no mercado de capitais é sempre aconselhável (e mais lucrativo) saber onde que essa figura está aparecendo. Mas antes de começar a explicar isso, dá uma olhada “na cara” do Ombro, Cabeça e Ombro.
Simples, né? Dá para perceber com clareza por que essa figura se chama Ombro, Cabeça e Ombro. Nós vamos ter um mercado subindo (em tendência de alta) e vamos chegar à um nível de reversão (resistência, últimas ondas do Elliot etc) e na sequência vamos colocar um topo mais baixo e formar o segundo ombro.
4 Passos? Nem sempre… Na maioria das vezes os 4P vão acontecer bem antes do OCO completar e romper aquela linha horizontal do pescoço.
E esse acima é o OCO Invertido, que vai ter a mesma função do outro com a exceção que irá aparecer lá embaixo em níveis de suporte em uma tendência de queda.

Onde esse padrão vai aparecer no gráfico

A verdade é que qualquer figura pode aparecer em qualquer lugar do gráfico, mas alguns pontos são mais importantes e mais lucrativos.
Olha só, aproveita que vc tá aqui e curte a minha página do Facebook abaixo, tem coisas muito tops lá também!
Como sabemos que o OCO é uma figura de reversão no mercado de capitais, sempre vamos querer entrar naquele rompimento de pescoço quando estivermos em algum nível de:
  1. Suporte.
  2. Resistência.
  3. Últimas Ondas do Elliot.
  4. Terceiro movimento de queda ou alta.
  5. 50% – 61.8% do Fibo (caso vc use OCO como continuidade de movimento).
  6. Pontos onde o preço estica demais.
  7. Quando sobe/desce muito sem ocorrer pullbacks
  8. Após tentativas fracassadas de reversão anterior.
Anotou tudo aí? Show de bola… Agora vamos dar uma olhada onde não operar o OCO no mercado de capitais.

Onde e Quando NÃO operar o OCO

Partindo do princípio que um trader experiente não entra em qualquer lugar ou em qualquer operação, sempre queremos evitar operar o OCO quando:
  1. Estiver no meio do caminho de um movimento simétrico anterior.
  2. Estiver durante a primeira ou segunda perna do movimento de alta/baixa.
  3. Acontecer após 4 Passos. (Se acontecer 4P lá em cima e depois acontecer um OCO invertido, por exemplo).
  4. Aparecer perto de suporte ou resistência (quando não chega exatamente nesses níveis e vc entrar no OCO pode ser que ocorra uma segunda tentativa de chegar nesses níveis e consequentemente passando pelo segundo ombro do OCO, onde estará o seu stop).
  5. Estiver em um lugar aleatório do gráfico.
  6. Quando o gerenciamento de trade apontar um risco x retorno desfavorável.
  7. Quando não houver volume comprador no OCO invertido.

Fatos Importantes:

Existem algumas análises que você pode levar em consideração para aumentar as chances do seu trade no OCO ser lucrativo.
1° – Volume: Se estiver rolando um OCO invertido lá embaixo no mercado de capitais, você pode ficar de olho no volume. Queremos ver o volume aumentando para o lado comprador na hora do rompimento daquela linha de pescoço.
2° – Força Compradora e Força Vendedora: Nem sempre os Candles Grandes vão ser de força na hora do Ombro, Cabeça e Ombro. Por quê? Porque o mercado vai estar em zonas de exaustão e reversão e quando estamos lá em cima formando o OCO todos os candles grandes vermelhos podem ser apenas os traders zerando as posições de compra.
O mesmo ocorre lá embaixo, se rolar candle de força verde, pode ser os vendedores zerando as posições e não necessariamente força compradora.
Se você domina as estratégias de leitura de candle isso fica mais fácil, é por isso que existe o Mestre dos Candles 2.0, dá uma olhada aqui.
3° – Segundo Ombro Muito Esticado: Nem sempre você vai poder entrar no OCO… Às vezes pode ser que o rompimento do pescoço e a formação completa do segundo ombro sejam muito longas e não tão favoráveis em termos de gerenciamento risco x retorno. É melhor esperar o Pullback.
4° – 60% a 70% de Acerto: O OCO tem uma taxa de acerto por volta dos 70%.

Onde Entrar e colocar o Alvo e Stop?

O lado bom do OCO é que o ponto de entrada e saída fica super bem definido no gráfico.

Ponto de Entrada no OCO:

Vai ser exatamente no rompimento do pescoço
Digamos que você não tenha entrado exatamente no rompimento do OCO… Pode ficar tranquilo, sempre há uma segunda chance de entrada no mercado de capitais. E isso vai acontecer exatamente no Pullback.

Onde vai o Stop no OCO:

Normalmente coloca-se o Stop justamente acima ou abaixo do segundo ombro, antes de romper.

Onde vai o Stop no OCO:

Normalmente coloca-se o Stop justamente acima ou abaixo do segundo ombro, antes de romper.
Perceba como é feito esse movimento simétrico… Isso é algo que eu costumo falar bastante, os movimentos simétricos na maioria das vezes se completam, e isso facilita muito na hora de encontrar algum alvo caso você não tenha nenhum topo ou fundo mais próximo do preço.
 
 
2° – Nos topos/fundos mais próximos: Essa seria a forma clássica de encontrar seu alvo, usando os topos e fundos.

Como Antecipar O OCO

Muitas vezes você ainda vai ter a chance de antecipar toda a formação e o rompimento oficial daquela linha de pescoço do OCO.
Como? Porque na maioria das vezes vai acontecer meu setup 4 Passos logo antes do segundo ombro do OCO ?
Os 4 Passos são bem mais fortes do que os OCOs, então essa antecipação vai nos dar uma entrada melhor, um gerenciamento melhor e uma chance de acerto maior também!
É isso aí… Sabendo o formato, onde que vai aparecer, onde não entrar e como fazer o gerenciamento de entrada/stop/alvo as coisas ficam mais fáceis na hora de operar… Espero que esse post tenha ajuda você a aumentar as suas habilidades com as figuras do mercado de capitais.
Garanta sua vaga no curso Mestre dos Candles 2.0 e aumente seus ganhos no mercado clicando aqui.
Vamo que vamos aos Gains!!
28.521+ ALUNOS INSCRITOS NESTE CURSO!

DAY TRADE DO  ZERO 

Descubra as Melhores Corretoras, Plataformas e Estratégias para 2019!
Acesso Imediato >>
Seja Rápido... As turmas lotam rapidamente.

Deixe Seu Comentário Aqui...

FacebookTwitterPinterestGoogle +Stumbleupon